Ele é ilustrador, ele é tetraplégico e ele desenha (muito) melhor do que eu.

Nada melhor do que comemorar um ano de blog com um post que faz qualquer um se sentir mais humilde.
Cortesia do Alvaro Sasaki, que enviou essa dica.

Olhar para o vídeo de Shiro Kotobuki, um ilustrador tetraplégico, trabalhando apenas com a boca e um tablet bem calibrado fez com que eu me sentisse do tamanho de um cupim por eu ter reclamado de umas dores nas costas por ter desenhado a noite inteira. Mesmo sendo em japonês sem legendas dá pra entender perfeitamente.

Essa é a segunda parte do documentário:

Ele é um dos criadores de personagens do jogo para marmanjos Rumble Roses (que a partir de hoje vou jogar com mais respeito) e ilustra garotas maravilhosas melhor do que eu ou qualquer outro sujeito com dez dedos funcionando. Já havia visto essas ilustrações, mas jamais havia pensado que isso era obra de alguém nas condições do sr. Kotobuki. Merece meu reverenciamento virtual e minha declaração oficial de humildade reconhecida.

Chega ser uma ironia ele ilustrar essas beldades deliciosas em sua condição. Em seu site, aliás com muito conteúdo, tem seu portfólio, que vai fazer muito carinha ficar de mamilo duro de inveja ou admiração.

E a gente aqui, com todas as partes funcionando, inclusive as de baixo, é uma panelada na testa quando sentir preguiça de estudar pra desenhar melhor.