Sketchbooks – o primeiro livro brasileiro sobre…sketchbooks

Há algum tempinho fui convidado pelo Roger Bassetto e Cézar de Almeida, antigos proprietários da Livraria Pop, a participar de um projeto sobre um livro de sketchbooks. A proposta é interessante, era mostrar qual era o papel do sketchbook no papel criativo do ilustrador ou artista. Assim, cada convidado mostraria algumas páginas do seu caderno de rabiscos, ou caderno de manifestação de idéias, e faria uma declaração sobre esse caderninho salvador.

E agora o livro vai ser lançado. No dia 28/10, uma sexta (tem Bistecão nesse dia, quero ver como eu faço), no Museu da Casa brasileira, na Av, Faria Lima 2705, São Paulo City.

Participam do livro, além de moi, toda essa turma de peso pesado pesadésimo nas artes e ilustração: Alarcão – Alex Hornest – Amanda Grazini – Angeli
Arthur D’Araujo – Bruno Kurru – Carla Café – Cláudio Gil
Eduardo Berliner – Eduardo Recife – Elisa Sassi – Fernanda Guedes
Guto Lacaz – Hiro Kawahara – Kako – Kiko Farkas – Leo Gibran
Lollo – Lourenço Mutarelli – Montalvo – Mulheres Barbadas
Orlando – Rafael Grampá – Roger Cruz – Titi Freak – Yomar Augusto

E deixo no final a descrição do livro nas palavras dos próprios idealizadores:

SKETCHBOOKS
AS PÁGINAS DESCONHECIDAS DO PROCESSO CRIATIVO
O livro aborda as questões do processo criativo nas artes visuais,
amplamente ilustrado com imagens dos cadernos de esboços de 26
artistas contemporâneos brasileiros.
Foram selecionados pela sua diversidade de atuação, daí a participação
de designers, arquitetos, ilustradores, cartunistas, gra!teiros
e tipógrafos, entre outros.
“Sketchbooks” é um projeto inédito no Brasil, resultado de um
processo de mais de 18 meses entre a concepção e o produto !nal, com
visitas a ateliês e contato com um riquíssimo e vasto material registrado
em cadernos, gerando a difícil tarefa de compilar recortes que
re”etissem o trabalho e a personalidade artística de cada um do elenco.
Os autores esperam, com este livro, “alimentar e inspirar quem está
buscando ou já está percorrendo seu próprio caminho no campo das
ideias e quer exercitar sua criatividade nas artes visuais e na vida.”
Segundo Charles Watson, que escreve a introdução:
“É possível que nos últimos 10 anos tenham sido publicadas mais antologias
sobre desenho e o papel do desenho no pensar que nos 30 anos
anteriores. Isso sugere que hoje, em meio à idade digital, o processo de
esboçar ainda é fundamental para muitas disciplinas que vão além da
arte e do design.
“Sketchbooks” é um raro exemplo no Brasil de uma antologia desse
tipo. Num contexto de consumismo desenfreado e constante procura
por novos produtos da indústria e do design, é refrescante ver um livro
que visa à contemplação dos bastidores das linguagens criativas

E essas são algumas páginas-petisco do livro.




Be there!

10 thoughts on “Sketchbooks – o primeiro livro brasileiro sobre…sketchbooks

  1. Puxa, isso é ouro puro, Hiro! Não digo que adquirirei porque a verba está curta, mas com certeza é uma iniciativa muito válida, mostrar algo que normalmente está fora dos olhos de quem aprecia a arte dessa galera!

  2. Uau!!! Gostei muito disto!!!
    Muito bom!!!
    Vou tentar ir nesse sim!!
    Mas tenho quase certeza de que 28/10 é quinta!!
    o/

  3. Grande Hiro!!
    Bakana o livro heim. Estive esses dias procurando por um
    livro mais teorico sobre a ilustraçao e processos criativos.
    Nao encontro. Esse parece que veio em boa hora.
    Vc poderia trazer um para nois, mineiros, e sortear na sua
    palestra heim. Q q vc acha?
    Da qual vou estar presente com certeza. hehehe
    Nao quero perder, curto seu trabalho.
    Se tiver tempo, passa no meu blog. Queria saber sua
    opniao sobre meus trabalhos.
    A gente se ve aqui em BH.
    Ateeee!!!! Valeeeeuuuu!!

    Infelizmente o livro só vai ser lançado depois da palestra de BH. Mas quem sabe depois a gente faz alguma coisa, se eu ganhar uns sobrando..

  4. Oi, Hiro!

    Dia 28/10 é uma quinta. O lançamento vai ser mesmo na quinta ou na sexta? Se for na sexta, vai coincidir com o bistecão e daí eu tenho uma solução muito win-win! O bistecão poderia ser remarcado pro sábado 30 (ou não poderia? não sei se tem algum problema com o espaço)! Assim, não aconteceria uma “concorrência” entre esses dois eventos tão legais – e eu (veja que tenho também um lado pessoal na questão) poderia ir no bistecão sem ter que pagar o dobro do valor para remarcar a minha passagem, hahaha! Enfim, vou querer um livro desses! Parece um trabalho e tanto! <3

    Abraços e até o bistecão (espero!).

    Não, o lançamento vai ser na quinta, eu tava olhando o calendário de 2011.

  5. cara, tem como colocar aí qualé a editora do livro, como se faz pra comprar, etc. (especialmente para aqueles que moram no extremo sul do brasil!)

    valeu
    abraço

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>