O melhor trabalho que eu já perdi

Há algum tempo mencionei que uma agência de publicidade, que agora posso mencionar o nome, que é a Fuel de Portugal, com uma idéia do meu compadre Marcelo Lourenço e seu comparsa Pedro Bexiga, pedindo uma campanha para a produtora de filmes ShowOff usando um estilo parecido com o de Scott Campbell – me levou até o próprio porque eu achei melhor não pegar o trabalho porque simplesmente achava que, se quisesse algo parecido com Scott Campbell era melhor chamar o próprio Scott Campbell. E como nada é por acaso, esse evento de desencontros fez com que eu entrasse em contato com Scott esperando escutar um sonoro “Not”, para minha surpresa encontrei um sujeito extremamente simpático e humilde, ao ponto de ficar deveras preocupado em tomar um trabalho que seria meu. E graças a isso trocamos emails e viramos amigos virtuais. Não tem dinheiro que pague isso (na verdade tem, mas o montante é vergonhoso).

Pois bem, a campanha foi agora lançada a posso mostrar o melhor trabalho que eu não peguei (clica na imagem que ela aumenta de tamanho, uia!)




Quer ver mais? Entra no blog do próprio Scott C. que tem mais para os ávidos. E ele menciona meu nome e não foi em vão.

O cara é fooda, só ele mesmo pra fazer essa linha tremida ficar elegante. A minha fica parecendo um eletrocardiograma de alguém fazendo sexo com o cão.

A campanha ficou muito boa. Tem que fazer cartãozinho de visita pra dar pra alguns diretores de marketing e de arte com a profundidade criativa de um pires e que estufam o peito pra mãe por que viraram diretores de alguma coisa.