Como tratar um ilustrador com carinho

Primeiro: O ilustrador ilustra, isso é óbvio.
[img:Brain.jpg,full,alinhar_dir]
Mas outra função do ilustrador é resolver problemas. Além de ilustrar, ele também é pago para pensar.

Assim, quando um anúncio é criado e um ilustrador é chamado para fazer o trabalho, seria mais do que normal haver uma conversa entre ambas as partes, explicar a situação e deixar na mão do ilustrador resolver o pepino da melhor maneira possível.
Continue reading

Picasso

Pablo Picasso era tão pobre, mas tão pobre, que no começo da sua carreira ele se aquecia no inverno queimando seus rascunhos e desenhos.

Ele era tão pobre, tão pobre, que quando ele foi morar em Paris, ele revezava a mesma cama em seu quartinho/banheiro/cozinha/estúdio com o poeta Max Jacob. De dia Picasso dormia na cama enquanto Jacob trabalhava, e vice-versa. Ô dureza.

Em compensação, quando ele morreu em 1973, ele deixou um acervo na França de 1.876 pinturas, 1.355 esculturas, 2.880 cerâmicas, mais de 11.000 desenhos e rabiscos (acho que nem tudo era dele, não é possível que seja), um patrimôno de mais de U$250 milhões.

E Van Gogh só vendeu um quadro enquanto estava vivo.

Então meu caro desenhista, que vive dizendo que é incompreendido como Van Gogh, que só foi reconhecido depois de morto, ou de Einstein, que era sofrível na escola, pare de arranjar desculpas e comece a querer ser que nem Picasso, que além de bom negociante era craque com as mulheres.

  • O Maior Quadro do Mundo

    Aqui vão algumas curiosidades que aproveitei de uma toalhinha de bandeja sobre curiosidades do mundo da arte que foi recusada, há alguns anos, ó vida.

    O maior quadro do mundo é “The Battle of Gettysburg”, pintado por Paul Philippoteaux e seus 16 assistentes em 1883. Levou dois anos e meio pra ficar pronto.
    Esse é só um pedaço do quadro.

    Ele mede 125 metros de comprimento por 21,3 metros de altura. Tem mais de 2.500 figurantes, 300 animais e milhares de objetos de cena. Quatro assistentes tiveram contaminação por chumbo, por causa da tinta branca (até o século XIX era comum a tinta branca a óleo ser composta por carbonato de chumbo, que é tóxica pra diabo. Dizem que era a causadora principal do câncer de língua nessa época, pelo hábito de alguns pintores molharem o pincel com a boca).